seu


tenho muita vontade de ir,
de conhecer seu abraço
deve ser cativante, assim, 
tornar-se cativo.
inerente, meu medo és
quem sabe, não serei aquilo
muito mais por você
ser, muito mais!
sim, temo não estar,
temo não saber,
temo não chorar,
temo apaixonar!

4 comentários:

Maria Luiza disse...

meu! =)

pedro cotrim.. disse...

só seu, Lu!!!

Maria Luiza disse...

^^
tenho vontade de ver
descobrir o que há em vocÊ
deve ser encantador
teu ser galanteador
quem sabe somos isso...
muito por ser apenas nós
não tema o que virá..

tai pedrinho o que tu queria rssss :p
Adoru tuuuuu...

pedro cotrim.. disse...

temer, ao seu lado? impossível!
sinto, pelo dia que torna a nascer,
se pudesse, noites ao seu lado eternizaria,
noites a sorrir, permaneceria!
por ti, por nós,
abraçados por palavras,
por cantos, encantos.
sorte! a noite nos une,
e mais estrelas escrevemos.

Lu, como passei a gostar das noites em parcerias, em cumplicidade!
Adoro-te sempre mais!